Um pouco sobre janeiro e perspectivas para 2010